Lectio Divina

Deve recordar-se que «ignorar as Escrituras é ignorar Cristo». No processo de amadurecimento espiritual, um lugar eminente está reservado à relação com a Palavra de Deus, que antesde tornar-se pregação deve ser acolhidaprofundamente no coração, «sobretudo no contexto da “nova evangelização”, a qual a Igreja hoje é chamada». Ela é uma referência contínua para a vida do discipulado e da configuração espiritual a Cristo Bom Pastor. Os seminaristas precisam ser introduzidos gradualmente no conhecimento da Palavra de Deus, atravésdo método da Lectio Divina. Uma meditação quotidiana e profunda, praticada com fidelidade e diligência, na qual convirja também uma fecunda reciprocidade entre estudo e oração, poderá garantir-lhes uma abordagem integral seja ao Antigo como ao Novo Testamento. (RF, 103)

XXXI Domingo comum (C)

UM ENCONTRO QUE TRANSFORMA31 COMUM C

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Lc 19, 1-10.
- Sublinho e anoto o mais significativo.

Zaqueu, chefe dos publicanos, quer ver Jesus que passa pela sua cidade. No final, é Jesus que se faz convidado seu. Esse encontro transforma-o, trazendo-lhe a salvação.

Continuar a ler

  • Visualizações: 232

XXX Domingo Comum (C)

A QUE DEUS REZO!?30 COMUM C

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Lc 18, 9-14.
- Sublinho e anoto o mais significativo.

Um fariseu e um publicano sobem ao templo para rezar. A divergente disposição interior de ambos leva à conclusão de Jesus: só um deles sai justificado diante de Deus.

Continuar a ler

  • Visualizações: 297

XXIX Domingo comum (C)

TORNAR-ME ORAÇÃO29 COMUM C

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Lc 18, 1-8.
- Sublinho e anoto o mais significativo.

Jesus conta uma parábola sobre “a necessidade de orar sempre sem desanimar”. Nela, a perseverança de uma pobre viúva vence a fria e injusta impiedade de um juiz.

Continuar a ler

  • Visualizações: 303

XXVIII Domingo Comum (C)

DEVER DE GRATIDÃO28 COMUM C

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Lc 17, 11-19.
- Sublinho e anoto o mais significativo.

Confiando na palavra de Jesus, um grupo de leprosos vê-se curado no caminho. Um deles, samaritano, regressa para agradecer tal graça. Pela sua fé, Jesus declara-o salvo.

Continuar a ler

  • Visualizações: 359

XXVII Domingo Comum (C)

A IMPORTÂNCIA DA INUTILIDADE27 COMUM C

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Lc 17, 5-10.
- Sublinho e anoto o mais significativo.

Os apóstolos pedem a Jesus que lhes aumente a fé. A sua resposta inclui duas imagens: o grão de mostarda e o servo disponível. A fé não precisa ser grande, mas autêntica.

Continuar a ler

  • Visualizações: 317

XXVI Domingo Comum (C)

TER NOME26 COMUM C

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Lc 16, 19-31.
- Sublinho e anoto o mais significativo.

É a parábola do rico e do pobre Lázaro. Com a morte de ambos, o primeiro acaba penalizado pela indiferença em relação ao segundo. Jesus mostra bem de que lado está.

Continuar a ler

  • Visualizações: 307

XXV Domingo comum (C)

DA FIDELIDADE À FELICIDADE25 COMUM C

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Lc 16, 1-13.
- Sublinho e anoto o mais significativo.

Jesus conta uma parábola desconcertante: elogia a esperteza de um administrador desonesto. Recomenda a mesma sagacidade aos “filhos da luz” e o reto uso dos bens.

Continuar a ler

  • Visualizações: 333

Mais artigos...